Prisão domiciliar do ex-ministro não poderá ser monitorada pela Justiça

A Alguns minutos foi publicado através da página Paraiba Online a notícia “Prisão domiciliar do ex-ministro não poderá ser monitorada pela Justiça”.

Segundo publicado na página do Paraiba Online: “A Polícia Federal (PF) informou, em nota enviada no início da tarde desta sexta-feira (14), que a Superintendência da Bahia “não dispõe de sistema de monitoramento eletrônico de pessoas”, conhecido como tornozeleira eletrônica. Com isso, a prisão domiciliar do ex-ministro Geddel Vieira Lima não poderá ser monitorada pela Justiça. A nota da PF ainda explica […]”

Continuaremos seguindo as notícias relacionadas e a cada novidade atualizaremos o site.