Amigas criam curso de mecânica básica para ensinar mulheres na BA: ‘Independência automotiva’



Hoje, a muito pouco tempo foi ocorreu a divulgação através do link do: G1, do artigo “Amigas criam curso de mecânica básica para ensinar mulheres na BA: ‘Independência automotiva'”

De acordo com o veiculado através do link G1:
Nas aulas, mulheres trocam dicas de como trocar pneus, identificar defeitos e conhecer um pouco mais sobre manutenção do próprio carro. Mulheres fazem curso de mecânica básica em concessionária da capital baiana
Um grupo de amigas de Salvador que produz conteúdo automotivo para internet criou um curso de mecânica básica para ensinar outras mulheres dicas de como trocar pneus, identificar defeitos e conhecer um pouco mais sobre a manutenção do próprio carro.
A jornalista Lhays Feliciano, uma das criadoras do conteúdo, explica que a ideia surgiu a partir de dúvidas deixadas pelas motoristas, em um perfil nas redes sociais das empreendedoras.
“Nós recebemos muitas perguntas nas nossas redes sociais, então a gente resolveu realizar um sonho nosso, que é juntar todas essas mulheres. O curso é para elas, para esclarecer todas as dúvidas que elas têm, para que elas não dependam mais de ninguém para ajudar elas nos perrengues da vida, e tem a independência automotiva da mulher, que a mulher também pode entender e gostar de carro”, disse.
Para levar o sonho para frente, Lhays contou com a ajuda das amigas Jenifer Rocha, que é técnica em manutenção industrial, e Samile Filgueiras, engenheira eletricista e eletromecânica automotiva.
“A maioria das dúvidas das meninas é justamente como não ser enganada, quando vão procurar as oficinas. A gente trouxe justamente essa proposta de explicar para elas como é que funciona o sistema do carro e o que elas podem realmente entender, para aceitar ou não quando ofertarem esses serviços para elas, e não serem mais enganadas. A gente trouxe essa aula justamente para tirar todas essas dúvidas”, ponderou Samile.
Amigas criam curso de mecânica básica para ensinar mulheres na BA
Reprodução/TV Bahia
Há cerca de três meses, Samara Silva se tornou motorista de aplicativo. Usando o carro diariamente, o intervalo entre as revisões diminuiu e os problemas aumentaram. Isso porque ela não conhece muito bem o funcionamento do automóvel e revela que já foi enganada por alguns mecânicos.
“A gente comprou um veículo, solicitou que o mecânico fosse com a gente dar uma olhada, e ele disse que [o carro] estava ‘ok’. Só que um tempo depois o carro bateu o motor, e a gente precisou fazer o motor todo novamente, e gastamos um bom dinheiro com isso. Já passei por situações de [mecânicos] dizerem que trocou óleo e não trocou, de dizer que ia trocar peça e não trocou, essas coisas”, listou.
Ela foi uma das 30 mulheres que participaram de um curso, realizado em uma concessionária da capital baiana. A funcionária pública Luciana Silva também fez a aula. Para ela, fica a tranquilidade em poder lidar com os problemas do carro daqui para frente.
“Às vezes dá um desespero na gente: ‘Ai meu Deus, o carro deu algum problema?’. Não, então a gente pode ficar mais tranquila e resolver esses problemas, ou pelo menos ficar mais tranquila para poder resolver. Mulher também pode mexer com carro, pode aprender todos os componentes, pode sozinha resolver os problemas do carro e claro, ser mais independente, quando sair com o automóvel na rua”.
Veja mais notícias do estado no G1 Bahia.
Amigas criam curso de mecânica básica para ensinar mulheres na BA
Reprodução/TV Bahia

Vamos continuar a seguir as novidades e divulgado vídeos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *