‘Era a matriarca da família’, diz sobrinha-neta de Ruth de Souza

Hoje, a poucos momentos atrás foi postado no link do: G1, do artigo “‘Era a matriarca da família’, diz sobrinha-neta de Ruth de Souza”

De acordo com o publicado através do link G1:
Velório da atriz será realizado no Theatro Municipal, onde a atriz foi a primeira negra a atuar, como desejava a família. Ruth de Souza morreu neste domingo (28), aos 98 anos. Familiares e amigos prestam homenagens a atriz Ruth de Souza, que morreu aos 98 anos no RJ
Parentes da atriz Ruth de Souza, que morreu neste domingo (28) aos 98 anos, declararam após a morte da atriz o desejo de que ela fosse velada no Theatro Municipal, no Centro do Rio, local onde foi a primeira negra a atuar, em 8 de maio de 1945..
A assessoria do Theatro Municipal confirmou na noite deste domingo(28) que o velório começa às 8h desta segunda-feira (29) com as despedidas para a família. Em seguida, entre 10h e meio-dia, fãs e amigos poderão se despedir da atriz no velório aberto.
Familiares definiram Ruth como uma “matriarca”, e torciam para que ele recebesse as homenagens no mesmo cenário onde fez a primeira atuação.
“Ela merece essa homenagem da família, e os fãs também merecem dar esse adeus para ela, porque a gente sabe que tem muita gente que gosta dela (…)”, declarou Midori de Souza, sobrinha-neta da atriz.
Ruth de Souza na novela ‘Helena’, em 1975
TV Globo
Ruth de Souza estava internada desde o começo da semana no Centro de Tratamento Intensivo do Hospital Copa D’Or, em Copacabana, na Zona Sul do Rio, vítima de uma pneumonia. A causa da morte não foi informada pelo hospital.
No Municipal, em 8 de maio de 1945, Ruth de Souza fez uma apresentação pioneira para negros na dramaturgia brasileira. Com a companhia Teatro Experimental do Negro, fundada por Abdias Nascimento e Agnaldo Camargo, autou em “O Imperador Jones”, de Eugene O’Neil.
Ruth de Souza nos estúdios da Vera Cruz, na década de 50
Acerto Ruth de Souza
Ruth de Souza mostra foto de seus pais em entrevista ao ‘Vídeo show’ em 1996
TV Globo
Ruth de Souza ao lado de Grande Otelo na novela ‘Sinhá moça’, em 1986
TV Globo
‘Conselheira’ da famíia
Midori lembrou com carinho de Ruth e contou que a força dela nos palcos também se refletia na relação com os parentes.
‘Minha tia foi uma pessoa muito importante para a família toda. Uma pessoa de muita garra, uma pessoa que sempre deu conselhos, presente demais na família. Era tipo a matriarca da família.”
Initial plugin text

Continuaremos seguindo as novidades e publicando notícias relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *