Fenasucro recebe 40 mil visitantes e prevê R$ 99 milhões a partir das rodadas de negócios



Hoje, a alguns minutos atrás aconteceu a publicação através do link do: G1, do artigo “Fenasucro recebe 40 mil visitantes e prevê R$ 99 milhões a partir das rodadas de negócios”

Segundo o que foi publicado através do portal G1:
Investidores de 11 países da América Latina e África passaram pela maior feira de bioenergia do país em Sertãozinho (SP). Balanço parcial estima R$ 4,1 bilhões em negócios já fechados. Visitantes na 27ª Fenasucro em Sertãozinho, SP
Divulgação
Investidores brasileiros e de 11 países passaram pela 27ª Fenasucro, maior feira de bioenergia do país, em Sertãozinho (SP), e confirmaram o interesse em negócios que, se confirmados ao longo dos próximos meses, chegam a R$ 99 milhões.
A organização confirmou que, em quatro dias, as rodadas de negócio internacional envolveram 42 empresas brasileiras e 18 compradores de Uganda, Suazilândia, Colômbia, Peru, Guatemala, El Salvador, Costa Rica, México, Bolívia, República Dominicana e Panamá.
Já as rodadas de negócio nacional, realizadas na quarta (21) e quinta-feira (22), contaram com 80 expositores e nove empresas compradoras. O levantamento parcial estima que a Fenasucro recebeu 40 mil visitantes e movimentou, ao todo, R$ 4,1 bilhões em negócios.
O volume é 2,5% maior no comparativo com a edição de 2018, mas a expectativa é de que a feira atinja os R$ 4,4 bilhões em negócios, projetados inicialmente. O balanço final deve ser divulgado pela organização na próxima semana.
Maior feira de bioenergia do país e uma das maiores do mundo, a Fenasucro contou com 1 mil expositores de 44 países, com 3 mil produtos, entre soluções para geração de energia com baixa emissão de carbono, e tecnologias da indústria 4.0.
Em meio ao cenário de otimismo, marcado por fatores como o início do Renovabio em 2020, nove startups de diferentes regiões do país reunidas no estande do Sebrae apresentaram o que há de inovação em produtividade no campo, para concorrer com grandes empresas.
A cerimônia de abertura contou com a presença do ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, que negou omissão por parte do governo em relação à Amazônia e culpa tempo seco pelo aumento das queimadas.
Rodada de negócios durante a 27ª Fenasucro em Sertãozinho, SP
Divulgação
Veja mais notícias da região no G1 Ribeirão Preto e Franca

Vamos continuar a seguir as novidades e divulgado vídeos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *