Índices da China sobem mais de 1% por trégua na guerra comercial



Hoje, a poucos minutos atrás postado através do link do: G1, do artigo “Índices da China sobem mais de 1% por trégua na guerra comercial”

Conforme o que foi publicado através do link G1: Investidores comemoraram sinais de melhora nas relações comerciais entre EUA e China depois que Trump esboçou na sexta-feira a primeira fase de um acordo para acabar com a guerra comercial e suspendeu o aumento de tarifas que entraria em vigor nesta terça. Os principais índices acionários da China subiram mais de 1% nesta segunda-feira (14), liderados pelas ações de tecnologia e do setor financeiro, com os investidores comemorando sinais de avanço nas negociações comerciais com os Estados Unidos.
Ainda assim, prevaleciam dúvidas sobre um acordo durável entre as duas potências econômicas, e a saúde econômica da China limitou os ganhos.
O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, avançou 1,06%, enquanto o índice de Xangai teve alta de 1,15%.
Investidores comemoraram sinais de melhora nas relações comerciais entre EUA e China depois que o presidente norte-americano, Donald Trump, esboçou na sexta-feira a primeira fase de um acordo para acabar com a guerra comercial e suspendeu o aumento de tarifas que entraria em vigor na terça-feira.
“É uma injeção de energia para o mercado”, escreveu o analista do Guosheng Securities Zhang Qiyao, descrevendo o acordo limitado como “melhor do que o esperado”.
A China quer mais negociações já no final de outubro para definir os detalhes da “fase um” do acordo comercial esboçado pelo presidente dos Estados Unidos, antes que o presidente chinês Xi Jinping concorde em assiná-lo, informou a Bloomberg nesta segunda-feira, citando pessoas familiarizadas com o assunto.
Pequim pode enviar uma delegação liderada pelo vice-premiê Liu He para finalizar um acordo escrito que poderia ser assinado pelos dois líderes na cúpula da Cooperação Ásia-Pacífico no próximo mês no Chile, disse a Bloomberg.
A China quer que Trump também descarte um aumento planejado de tarifas em dezembro além da alta marcada para esta semana, conforme a reportagem.
Em TÓQUIO, o índice Nikkei não teve operações.
Em HONG KONG, o índice HANG SENG subiu 0,81%, a 26.521 pontos.
Em XANGAI, o índice SSEC ganhou 1,15%, a 3.007 pontos.
O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, avançou 1,06%, a 3.953 pontos.
Em SEUL, o índice KOSPI teve valorização de 1,11%, a 2.067 pontos.
Em TAIWAN, o índice TAIEX registrou alta de 1,63%, a 11.066 pontos.
Em CINGAPURA, o índice STRAITS TIMES valorizou-se 0,34%, a 3.124 pontos.
Em SYDNEY o índice S&P/ASX 200 avançou 0,54%, a 6.642 pontos.

Vamos continuar a seguir as novidades e postando notícias relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *