Jogadores perdem espaço no Atlético após a Copa América; outros aproveitam as chances



alguns instantes ocorreu a veicução através do link do: Hoje em Dia, da notícia “Jogadores perdem espaço no Atlético após a Copa América; outros aproveitam as chances”

De acordo com o que foi veiculado através do portal Hoje em Dia:

Um dos méritos do técnico Rodrigo Santana no Atlético é resgatar jogadores que estavam em baixa, como Patric, Jair e Vinicius. Os três atletas ganharam a confiança do treinador e vem fazendo bons jogos pelo Galo. 

Enquanto alguns jogadores vivem grande fase, outros, que eram titulares há até pouco tempo, perderam espaço no time.  Guga, Zé Welison e Luan, por exemplo, convivem com a reserva atualmente. 

Na lateral direita, Patric aproveitou as chances enquanto Guga estava com a Seleção Sub-23 disputando o Torneio de Toulon, na França, em junho.
 
Já Zé Welison, que no primeiro semestre disputava posição apenas com Adilson (aposentado por causa de problemas cardíacos), perdeu espaço na função de primeiro volante para Jair, hoje titular, e Ramón Martinez, reserva imediato. 

O último jogo que o “Pai Véio” começou jogando foi na derrota por 3 a 0 para o Cruzeiro, no Mineirão, pela Copa do Brasil, no dia 11 de junho, quando teve atuação criticada. No clássico do último domingo (4), na vitória por 2 a 0, no Independência, pelo Brasileirão, Zé foi sequer relacionado. 

“A gente já tinha o Jair jogando como ´5´(primeiro volante) como titular, a gente tinha o Ramón (Martinez), como opção, caso o Jair saísse do jogo, então não teria como eu levar dois jogadores com a mesma característica. Então a gente aproveita, uma vez que o Ramon não tem condições de jogar a Sul-Americana, pra gente fazer um rodízio entre Ramón e Zé quando tiver para optar por um dos dois jogadores no banco de reservas”, explicou o técnico Rodrigo Santana. 

Outro jogador que vem perdendo espaço no time é o meia-atacante Luan, que outrora era titular absoluto e xodó da torcida. Assim como Zé Wellison, o último jogo que o Menino Maluquinho começou jogando foi no clássico do dia 11 de junho, pela Copa do Brasil. 

No empate em 2 a 2 contrra o Fortaleza, no Independência, Luan entrou no segundo tempo, mas foi vaiado pela torcida depois de desperdiçar um pênalti e perder outras chances claras de gol.  No clássico do último domingo, o meia-atacante não foi relacionado por causa de dores na perna direita. 

Esquecidos

Com grande concorrência no setor ofensivo, o meia David Terans e o atacante Maicon Bolt são pouco utilizados no Atlético. O uruguaio não entrou em nenhum jogo após a pausa da Copa América. Com sete estrangeiros no elenco, sendo apenas cinco permitidos na relação por jogo, a tendência é que o jogador perca ainda mais  espaço no elenco. 

Já Maicon Bolt entrou no decorrer de apenas duas partidas após a intertemporada. O atacante participou apenas dos jogos contra a Chapecoense (2 a 1), em Chapecó, pelo Brasileiro, e Botafogo (1 a 0), no Rio de Janeiro, pela Sul-Americana. 

Cleiton x Victor

Rodrigo Santana terá uma dor de cabeça na meta atleticana. Victor está em fase final de recuperação de uma tendinite. O jovem Cleiton, que foi titular nas últimas cinco partidas, vem agradando com suas atuações e está há quatro jogos sem sofrer gol. 

“O Victor está passando por fase de recondicionamento. Ele zerou a dor, mas agora precisa condicionar o máximo possível. A gente sabe que o treinamento de goleiro é bem diferente. A gente conversa muito com o Chiquinho (preparador de goleiros) e sabe que a experiência do Victor é imensa. É um ídolo. A gente vai esperar como o Victor vai voltar. A hora que ele estiver 100%, a gente ver quem vai sair jogando, mas no momento o Cleiton está bem, então segue o Cleiton”, destacou Rodrigo Santana.

 

 

Vamos continuar a seguir as novidades e postando notícias relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *