O discurso da juíza Selma que Renan Calheiros teve de engolir – CPI Lava Toga”/STF/Bolsonaro



Hoje, a alguns minutos divulgado no canal do Youtbe: Folha Política, um vídeo entitulado O discurso da juíza Selma que Renan Calheiros teve de ‘engolir’ – CPI ‘Lava Toga”/STF/Bolsonaro

De acordo com o informado através do canal Folha Política: O discurso da juíza Selma, do partido de Bolsonaro, que Renan Calheiros teve de ‘engolir’ – CPI ‘Lava Toga”/STF

O senador Renan Calheiros, um dos maiores “resistentes” contra a CPI da operação “Lava Toga”, foi obrigado a escutar um vigoroso pronunciamento da juíza Selma Arruda, senadora do PSL – partido do presidente Jair Bolsonaro -, em favor da transparência das instituições e da instauração da comissão.

“Eu aqui gostaria de ratificar minha manifestação já feita em Plenário em apoio à instauração dessa CPI, não apenas por ser conhecedora do nosso Poder Judiciário, mas por entender que os pedidos são tecnicamente perfeitos, os fatos arrolados pelo Senador autor da proposição são muito diferentes do que se entender que isso esteja, de uma forma ou de outra, interferindo no entendimento jurídico de qualquer magistrado. Só quem julga é que sabe quando você profere uma decisão escondendo interesses pessoais, ou quando você profere uma decisão coerente com todas as outras decisões que você dá no mesmo sentido e, neste caso, então, apenas expressando o seu ponto de vista, a sua interpretação judicial”, asseverou Selma Arruda.

“Eu quero agradecer e confesso que hoje me fez lembrar Platão, quando ele diz que a sabedoria está na repetição. As eleições de outubro de 2018 deram um recado muito claro: a população está cansada dos mesmos com os mesmos resultados. Será um retrocesso se este Senado Federal não admitir sequer a possibilidade de instalação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito que, diga-se de passagem, tem fato determinado e não tem o objetivo de condenar ninguém, porque, a teor do que determina o art. 58, §3º, da Constituição Federal, apenas vai apurar e, havendo indícios suficientes, vai remeter àquele que constitucionalmente é o guardião, é o dominus litis, é o custos legis da ação penal, que é o Ministério Público, a teor do que determina o art. 129, I, da Constituição Federal”, declarou a juíza.

“Então, eu não posso falar que 210 milhões de brasileiros estão surfando em qualquer água. Eu tenho que dizer que nós, Senadores, Deputados Federais, Deputados Estaduais, Prefeitos, nós fomos eleitos pela maior demonstração de cidadania, que é o sufrágio universal através do voto. E todo o poder emana pelo povo e é exercido por nós, seus representantes. Nós não podemos ficar calados e não dar voz a 210 milhões de brasileiros, que clamam, sim, por essa CPI, porque essa CPI não é caça às bruxas”, explicou ela. Assista ao vídeo.

Inscreva-se em nosso canal para acompanhar todas as transmissões de Jair Bolsonaro, assim como os melhores vídeos sobre temas políticos: http://bit.ly/FolhaPoliticaYoutube
Acesse nosso site para mais informações: http://www.folhapolitica.org

Veja o vídeo abaixo:

Vamos continuar a seguir as notícias e postando vídeos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *